Thomas Alva Edison

Thomas Alva Edison – inventor

Nasceu em 11 de fevereiro de 1847, em Milan, estado de Ohio, Estados Unidos da América. Faleceu em 18 de outubro de 1931, em West Orange. Pertencia a uma família de classe média. Seu pai, Samuel Edison, era canadense, descendente de holandeses, marceneiro e carpinteiro de profissão, vendia de tudo, além de imóveis. A mãe, Nancy Eliot Edison, havia sido professora e teve sete crianças.

Desde pequeno, Thomas Edison interessou-se em estudar física e química. É considerado o inventor da lâmpada elétrica, além do gramofone, do cinescópio, do microfone para uso em telefone e outras. Registrou 2.332 patentes, sendo amplamente considerado o maior inventor de todos os tempos.

Sua doença: há relatos históricos de que Thomas começou a perceber algo errado com seus ouvidos quando trabalhava para uma companhia de trens na parte de cargas: estava atrasado para entrar no trem, quando foi puxado pelas orelhas por um companheiro de trabalho para dentro do vagão de cargas. Ele relatou assim esse episódio: “...eu senti alguma coisa estalar dentro da minha cabeça”...”a minha surdez começou nesse instante”...

O segundo incidente para seu problema de audição foi quando ainda na companhia de transporte ferroviário, obteve autorização superior para montar um laboratório num vagão de carga vazio. Ali, nas horas de folga, se ocupava a fazer experiências com produtos químicos, quando alguma coisa saiu errada e um incêndio começou. Novamente um funcionário, desta vez um chefe, correu para ajudá-lo a combater o fogo que queria consumir o vagão, ficando este muito irritado com Thomas, que narra este episódio assim:“... apanhei com tanta severidade que fiquei meio surdo depois desse incidente”. Com certeza o homem havia lhe dado tapas em seus ouvidos.

Demais atribuições das causas de sua surdez, são de ordem científica. Um de seus médicos propôs que a surdez foi causada por “doença degenerativa congênita”, quando ainda era criança, desencadeada por um trauma de infância. Thomas teve muitas infecções de ouvido que na época não foram corretamente tratadas. Sabe-se que numa delas, houve retenção de fluídos no ouvido médio. Teve também, artrite e escarlatina. Esta, talvez, a mais provável causa de sua surdez. Certa vez Thomaz disse: “...não ouço o canto de um pássaro desde que tinha treze anos”.

Não me desencorajo, porque cada tentativa errada descartada é outro passo à frente" - Thomas Alva Edison"Não há substituto para o trabalho duro" - Thomas Alva Edison"Se nós fizéssemos tudo o que somos capazes, literalmente, nos surpreenderíamos” - Thomas Alva Edison"Eu não falhei, encontrei dez mil soluções que não davam certo” - Thomas Alva Edison“Muitos dos fracassos desta vida estão concentrados nas pessoas que desistiram por não saberem que estavam muito perto da linha de chegada” - Thomas Alva Edison